terça-feira, 4 de janeiro de 2022

Lançamento do jornal cultural “Umbu Verde”

 

EDITORIAL

Em determinada ocasião, observou o poeta português Luís de Camões (c. 1524-1580): “Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”. Frase irretocável. Porém, este “Umbu Verde”, a despeito das mudanças do tempo, retoma uma vontade antiga do redator de fazer jornalismo impresso e focado em cultura.

A ideia não é publicar texto inédito ou exclusivo. Os desenhos podem até ser. Na verdade, pretende-se apenas divulgar aqui a produção cultural do próprio redator e já feita para outras plataformas (livro, Internet, etc.).

Ainda que tenha uma periodicidade irregular, o “Umbu Verde” é também um exercício de produção gráfica. A beleza, seja quando for, precisa se manifestar tanto na forma quanto no conteúdo.

As permanências nos orientam, as mudanças nos adaptam. O uso do mimeógrafo na década de 1990 (para um jornal de colégio) e o uso hoje do editor Word comprovam a relação complexa e necessária entre o tempo e a vontade, entre o passado e o futuro.

Link da versão em PDF: www.darlanzurc.com/wp-content/uploads/2022/01/umbu-verde-n-1.pdf.

Nenhum comentário:

Postar um comentário